"Eficiência Plus" - Utilização eficiente de recursos, proteção do ambiente e medidas contra a deslocalização de empresas na sede principal da Viessmann em Allendorf/Eder (Alemanha)

Projeto estratégico de sustentabilidade "Eficiência Plus"

Com o seu projeto de sustentabilidade "Eficiência Plus", a Viessmann demonstra que atualmente já é possível alcançar os objetivos relativos às questões energéticas e ambientais propostos para 2050. Através da aplicação de técnicas disponíveis no mercado, foi possível aumentar significativamente a eficiência energética à margem da eficiência do trabalho e dos materiais. O consumo de energias fósseis foi reduzido em dois terços e as emissões de CO2 diminuíram até 80 %.


Na nova central energética, são utilizados todas as fontes de energia imporantes: gasóleo e gás, bem como biomassa, energia solar e calor proveniente do ar e da terra. As tecnologias eficientes, como a condensação e a cogeração de calor e eletricidade, contribuem significativamente.


Para produzir calor e eletricidade de forma ecológica são utilizadas, sobretudo, aparas de madeira que se obtêm a partir de plantações de rotação curta. Para tal, plantam-se choupos e salgueiros numa área com 180 hectares que cobre mais ou menos metade da procura anual de 7000 toneladas de biomassa.

Kurzumtriebsplantagen.jpg

A Viessmann planta choupos e salgueiros em plantações próprias de rotação curta para gerar biomassa.

A energia biológica satisfaz atualmente 77 % da necessidade de consumo de calor na zona de Allendorf. O objetivo a longo prazo passa pelo total abastecimento através deste recurso energético ecológico. Neste caso, aplica-se um dos princípios da sustentabilidade: apenas se deve consumir a mesma quantidade de biomassa que é regenerada no mesmo espaço de tempo.

Além disso, uma instalação de biogás que funcione com base no princípio da fermentação em seco gera aproximadamente 2,7 MWh de eletricidade e calor por ano. Os produtos residuais da agricultura local e do tratamento do terreno, bem como as matérias-primas renováveis, são utilizados como substrato.

Em 2013, foi concluída uma segunda instalação de biogás. Trata-se de uma instalação de fermentação húmida que, a partir de 15 000 t de substrato, é capaz de gerar aproximadamente 1,6 milhões de metros cúbicos de biogás por ano. Este gás é tratado para alcançar a qualidade do gás natural e alimenta a rede pública.

Biogasanlage.jpg

A segunda instalação de biogás em Allendorf (Eder) funciona com base no princípio da fermentação húmida. O biogás é tratado para alcançar a qualidade do gás natural e alimenta a rede pública.
 

Com o projeto "Eficiência Plus", a Viessmann demonstrou que a proteção ambiental e o consumo eficiente dos recursos podem ser conciliados com o sucesso económico e com o compromisso social. O projeto serve como exemplo da melhor prática possível. O objetivo é não só motivar outras empresas, como também motivar pessoas com poder de decisão, tais como políticos e administradores, a tomar ou impor medidas que aumentem a eficiência energética.